anuncie
282

Empresários reclamam de excessos em fiscalização a bares de Curitiba

Empresários reclamam de excessos em fiscalização a bares de Curitiba

Donos de bares e de restaurantes de Curitiba se manifestaram publicamente, neste fim de semana, contra a forma como vêm sendo conduzidas as operações da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (Aifu). Os empresários apontam o que consideram abusos e excesso de ostensividade policial nas ações, que acabariam por constranger frequentadores. A Aifu é uma espécie de força-tarefa composta pela Polícia Militar (PM), por diversas secretarias municipais e pela Vigilância Sanitária, que tem como objetivo principal vistoriar alvarás e as condições de funcionamento dos estabelecimentos.

Parte das críticas se concentra no fato de as operações serem realizadas nas noites de sextas e sábados, em horários em que os estabelecimentos registram maior movimento. Uma das casas vistoriadas no último fim de semana foi o restaurante Don Max, localizado no bairro Água Verde. Segundo o proprietário do estabelecimento, Paulo Zanatta, havia pelo menos sete viaturas da PM com giroflex ligados e outros sete carros oficiais. Ele disse que a dimensão da operação causou constrangimento entre os clientes.

“É sempre sexta-feira, às 9 [horas] da noite, quando a cozinha está lotada de pedidos. Por que fazer uma fiscalização de alvarás nesse horário de maior movimento? É constrangedor demais, é abusivo demais. Tem cliente que cancela pedido e vai embora. Teve um menino que entrou debaixo da mesa, chorando, com medo”, disse Zanatta.

“Nós estamos cansados da maneira como tratam a gente. Em mais de 20 anos, é a primeira vez que estou pensando em parar. Em vez de ajudar, de orientar, parece que eles querem complicar a vida da gente”, completou o empresário.

Pelo Facebook, o empresário Jeff Sabbag também se manifestou. O estabelecimento dele – o Dizzy Café – não foi alvo da fiscalização, mas ainda assim ele criticou a forma da operação. Ressaltou que a categoria quer ser fiscalizada, mas não durante o período de maior movimento e em “mega-operação exibicionista de fiscalização”. “Ao menor deslize, falta de algum papel ou carimbo, ou um atraso numa taxa é o suficiente para o bar ou restaurante ser fechado na frente do cliente, numa 6a ou sábado... dias de maior movimento!”, escreveu.

A Associação Brasileira de Bares e Casas Noturas (Abrabar) também questionou a ostensividade e o horário das operações. “Não há necessidade disso. A gente sempre fala que é importante fiscalizar, mas vão todos numa van, em um horário diferente. Isso assusta os turistas, os frequentadores. Não precisa mostrar força em uma ação de fiscalização. A gente defende o reforço de policiamento, mas no entorno, onde haja reduto de marginais”, disse o presidente da Abrabar, Fábio Aguayo, que também responde pelo Sindicato de Bares e Casas Noturnas.

Primeiro grande avião  chinês é símbolo do “Made in China 2025 Noticias

Primeiro grande avião chinês é sí...

Fim do mistério: VW revela o inédito SUV T-Roc, cotado para ser feito no Brasil Noticias

Fim do mistério: VW revela o inédito SUV T-Roc...

Processo do tríplex chega ao TRF4 Noticias

Processo do tríplex chega ao TRF4...

Carro que levava filho de Temer sofre acidente em Brasília; não há feridos Noticias

Carro que levava filho de Temer sofre acidente em Bras&iacut...

Ex-prefeito de Foz é beneficiário político de fraudes em plantões de médicos, diz PF Noticias

Ex-prefeito de Foz é beneficiário polít...

No banco dos réus: como Gleisi vai se comportar no interrogatório ao STF? Noticias

No banco dos réus: como Gleisi vai se comportar no in...

Passageiro de estação-tubo não vai pagar passagem para ir ao Sacolão Noticias

Passageiro de estação-tubo não vai paga...

Técnico Lisca elogia estrutura do Paraná e cita Atlético como exemplo a ser seguido Noticias

Técnico Lisca elogia estrutura do Paraná e cit...

Governistas vencem eleição em Angola Noticias

Governistas vencem eleição em Angola...

No socialismo de Maduro, cafezinho custa 3 mil litros de gasolina Noticias

No socialismo de Maduro, cafezinho custa 3 mil litros de gas...

PT tenta impedir viagens de Doria e tucano dá resposta à altura Noticias

PT tenta impedir viagens de Doria e tucano dá respost...

Câmara aprova nova política para juros do BNDES que cria a TLP Noticias

Câmara aprova nova política para juros do BNDES...

Nossos amigos!
AniTube Super Animes Filmes Online X Azamerica Filmes Online Grátis Vizer.tv Séries Online Grátis BTv Z Animes Online Baixar Músicas Grátis
Assistir TV Online Grátis

O Assistir TV Online HD ou simplesmente ATO é um dos mais clássicos e tradicionais sites de TV online do pais, desde 2009 com o projeto inicial vertvfree que posteriormente se transformou no ATOHD nós empenhamos cada vez mais para para trazer o melhor conteúdo do segmento televisivo nacional e internacional. As emissoras de TV têm mudado muito no quesito qualidade, seguindo esse aspecto nós estamos focando também na qualidade áudio visual de nossos canais, com novas transmissões de TVONLINE em IPTV (Internet Protocol Television) e também TVIP (Televisão por IP).

Nossos players estão cada vez mais está compatível com diversas plataformas e dispositivos móveis, como (smart TV, smartphones, tablets, aplicativos, mobile, iphone, ipad, android, etc), O ATO Se ajusta a qualquer tamanho de tela responsivamente, seguindo os padrões atuais. Não há requisitos mínimos para o uso do site, todavia quanto maior for a sua velocidade de conexão com a internet, melhor será a qualidade da sua tvonline, aqui listamos em diversas categorias como noticias, esportes, documentários, notícias, séries, filmes, entre outras variedades, sem limitações de uso, compartilhe com seus amigos e familia, aproveite!